sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Enferrujados 1ª cordada no Marumbi


Quando o Juliano me ligou na sexta confesso que senti um certo receio, mas por outro lado não podia perder a chance de fazer uma das mais clássicas vias do Marumbi, marcamos a saída para sábado bem cedo e lá fomos nós, eu e o Juliano ficamos de encontrar o Natan e o Otaviano na dona Isabel onde deixariamos os carros e seguiriamos rumo ao parque do Lineu, o dia estava perfeito e a caminhada seguiu regada a muitas histórias de montanha e assuntos dos mais diversos.
Chegamos na estação conversamos um pouco com a galera do parque e tocamos pra cima, estavamos animados e quase não pensava na via que me aguardava indiferente lá no alto, chegamos ao parque do Lineu então fiquei por um instante mudo e pensativo já que a enferrujados impõe respeito, conferimos os equipos e decidimos as duplas o Otaviano guiaria e eu daria seg, na segunda dupla o Natan guiaria e o Juliano seria o seg.

Otaviano iniciou a escalada, subiu com a mochila já que inicialmente nossa intenção era sair pelo cume, mas a hora avançada e o fato de estarmos em duas duplas foi minando essa nossa idéia,
além do mais ventava forte o que dificultou o trabalho com os estribos, quando o Otaviano deu o sinal iniciei a minha escalada com toda a concentração e passo a passo venci a parte negativa da parede.
Pensei comigo "bom agora não tem mais negativo tá beleza" quem derá isso fosse verdade
o trecho depois do negativo é uma espécie de platô quase vertical onde você tem que subir se entalando em uma fenda do lado direito com um visual do abismo no lado esquerdo e o jeito foi subir.


Pouco tempo depois de chegar à parada o Natan apareceu no platô de saída do negativo e para que não ficassemos em três na parada o que seria no minímo desconfortável o Otaviano rapelou ficamos eu e o Natan que dava seg pro Juliano esperando sua chegada para montar o rapel e descer já que a hora estava avançando rápido.
Com a chegada do Juliano na parada rapelei em seguida o Juliano e o último a rapelar foi o Natan já com pouca luz, então ficamos contemplando o por do sol! Guardamos os equipamentos já vendo a estação iluminada e iniciamos a descida.



video

Nenhum comentário:

Postar um comentário